Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
197,00 175,00 184,00
GO MT RJ
178,00 175,00 179,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1850,00
Garrote 18m 2050,00
Boi Magro 30m 2700,00
Bezerra 12m 1270,00
Novilha 18m 1580,00
Vaca Boiadeira 1860,00

Atualizado em: 27/3/2020 10:44

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Mercados agrícolas sobem em dia de queda geral

 
 
 
Publicado em 26/02/2020

Enquanto o mercado financeiro global ainda reflete os temores crescentes com a epidemia do coronavírus, as commodities agrícolas recuperaram parte das baixas do pregão anterior na terça-feira (25), se sustentaram e terminaram o dia em campo positivo. Na outra ponta, o petróleo despencou mais 3% e as bolsas norte-americanas e europeias também recuaram.

Na Bolsa de Chicago, quem liderou os ganhos foi a soja, que termina o pregão subindo pouco mais de 5 pontos entre os principais contratos, com o março valendo US$ 8,79, o maio US$ 8,88 e o julho, US$ 8,99 por bushel. Na sequência, os preços do trigo registraram leves altas de pouco mais de 2 pontos e o milho, de 0,25 a 0,50 ponto nas posições mais negociadas.

O mercado de grãos buscou sustentar uma recuperação - bastante importante, apesar de tímida - depois da intensa liquidação de posições do pregão anterior, quando somente a soja perdeu mais de 15 pontos na CBOT, acompanhando as preocupações crescentes com o coronavírus. Com cada vez mais casos sendo confirmados fora da China, crescem as especulações de que o o surto que foi iniciado na nação asiática se torne uma pandemia.

Apesar da firmeza deste pregão, os analistas explicam que os mercados agrícolas ainda exibem alguma fragilidade, embora dividam as atenções com seus próprios fundamentos.

"Após o mercado internacional sucumbir na segunda-feira com a dispersão do Coronavírus por países europeus, hoje a especulação desacelerou a reação exagerada, recuperando parte das perdas de ontem (...) Os fundos na soja continuam posicionados no lado da venda, continuando sensíveis às reações de reversão com qualquer notícia otimista", disseram os diretores da ARC Mercosul.

Os analistas explicam ainda que o que mais alimenta as especulações em torno do coronavírus neste momento e que, consequentemente, pesa sobre os principais mercados mundo a fora, são as notícias referentes ao poder de infecção do vírus.

E diante disso, especialistas internacionais reforçam as atenções necessárias para as incertezas que ainda rondam o desenvolvimento do vírus e de sua disseminação para além da China.

"Atualmente, existe muita incerteza em torno do coronavírus, o que dificulta a previsão da direção do mercado", disse Phin Ziebell, economista do agronegócio do National Australia Bank à Reuters Internacional.

Depois das baixas intensas e da liquidação de posições registradas na sessão anterior, os futuros do café arábica negociados na Bolsa de NOva York voltaram a subir nesta terça-feira (25) e fecharam o dia com altas de mais de 100 pontos entre os vencimentos mais negociados.

O contrato março encerrou o dia com 107,10 cents de dólar por libra-peso e ganho de 120 pontos, enquanto o maio subiu 160 pontos para 108,50 cents e o julho/20, 155 pontos para concluir o pregão valendo 110,60 cents/lb.

O mercado testou uma recuperação depois das perdas intensas, motivadas pelas intensas e crescentes preocupações com o surto de coronavírus, que corre agora o risco de se tornar uma pandemia. Entretanto, os ganhos não acontecem de forma também generalizada e acontecem quase que exclusivamente entre as commodities agrícolas.

Na contramão e ainda sofrendo com a intensa aversão ao risco, os futuros do petróleo terminaram a terça-feira com perdas de mais de 3% tanto na Bolsa de Nova York, quanto na Bolsa de Londres. O WTI fechou abaixo dos US$ 50,00 por barril.

O ouro, ao contrário do que geralmente acontece em dias como este, também atuou em campo negativo e perdeu mais de 2%. As bolsas de valores caíram nos EUA e na Europa, as perdas só não foram tão dramáticas como as da sessão anterior.

"Pela primeira vez em algum tempo, nós finalmente estamos acordando para o fato de que esse problema pode continuar por um período e ter um impacto significativo no crescimento econômico chinês e global e potencialmente nos Estados Unidos", disse Randy Frederick, vice-presidente de negociação e derivativos para Charles Schwab em Austin, Texas, à Reuters. Com informações do Notícias Agrícolas.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[27/03/2020] - China voltou a comprar e frigoríficos sobem oferta
[27/03/2020] - Arroba volta ao patamar de R$ 200
[27/03/2020] - Mercado de reposição segue travado
[27/03/2020] - Polpa cítrica subiu com força no último ano
[27/03/2020] - MAPA define serviços essenciais para o setor
[27/03/2020] - MAPA pede apoio para garantir abastecimento
[27/03/2020] - Abrafrigo: mercado não aguenta mais 10 dias

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[27/03/2020] - Cidade fecha comércio mesmo sem casos do vírus
[27/03/2020] - Funai anula demarcação de terras no Paraná
[27/03/2020] - MAPA adia prazo para comprovar vacinação
[26/03/2020] - Arroba: frigoríficos já pagam até R$ 6 a mais
[26/03/2020] - Preço da carne não cedeu no atacado
[26/03/2020] - JBS: compras da China voltaram com força
[26/03/2020] - Lucro da JBS bate recorde com vendas à China
[26/03/2020] - Movimento em supermercados volta ao normal
[26/03/2020] - Milho continua batendo recordes de preço
[26/03/2020] - Governo pode tornar veterinárias serviço essencial
[25/03/2020] - Arroba: pecuaristas pedem mais pelo boi
[25/03/2020] - Reposição está devagar em Rondônia
[25/03/2020] - China libera mais carne das reservas estratégicas
[25/03/2020] - Milho: preços seguem em alta
[25/03/2020] - Prévia da inflação tem forte queda
[25/03/2020] - Bolsonaro: comércio deve reabrir
[25/03/2020] - Agro pede apoio contra travas ao transporte
[25/03/2020] - Caminhoneiros reclamam da falta de alimentos
[25/03/2020] - Normas são alteradas para preservar transporte
[25/03/2020] - Dona da JBS recusa antecipar dinheiro para o MPF
[24/03/2020] - Exportações de carne têm resultado surpreendente
[24/03/2020] - China importou mais carne no primeiro bimestre
[24/03/2020] - Bolsonaro fala com presidente da China
[24/03/2020] - Arroba: pecuarista não aceita os preços atuais
[24/03/2020] - Para onde vai a arroba do boi no curto prazo?
[24/03/2020] - Arroba do boi caiu forte também no MT
[24/03/2020] - Frigoríficos garantem abastecimento de carne
[24/03/2020] - Leite longa vida dispara por causa do coronavírus
[24/03/2020] - Governo pagará parte do salário de trabalhadores
[24/03/2020] - Farelo de soja está 11,4% mais caro
[24/03/2020] - Importação de milho disparou no Brasil
[24/03/2020] - Cidade de Mato Grosso proíbe transporte de grãos
[24/03/2020] - Governo trabalha para manter estradas liberadas
[24/03/2020] - RS permite comprovação de vacina por e-mail
[23/03/2020] - Qual será o efeito do coronavírus sobre o Agro?
[23/03/2020] - Médicos são contra fechamento total do comércio
[23/03/2020] - Arroba: frigoríficos tentam derrubar o boi
[23/03/2020] - Pecuaristas mostram preocupação com o mercado
[23/03/2020] - Coronavírus afeta o atacado da carne
[23/03/2020] - Justiça impede fechamento de frigoríficos
[23/03/2020] - Marfrig não reduzirá capacidade de abate
[23/03/2020] - MAPA garante o abastecimento
[23/03/2020] - Carne: vendas em Campo Grande dispararam
[23/03/2020] - Produtores de leite pedem garantia de produção
[23/03/2020] - Na China, o coronavírus começa a ficar para trás
[23/03/2020] - Milho segue em alta
[23/03/2020] - MP permite suspensão de contrato de trabalho
[23/03/2020] - Decreto: vigilância agropecuária é essencial
[23/03/2020] - BC anuncia a liberação de R$ 68 bilhões
[23/03/2020] - BNDES anuncia pacote de R$ 55 bi

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br